Mais um posicionamento sobre a COPA 2014

Desculpem minha ausência! Estive viajando para fora do país, resolvendo negócios empresariais e pessoais, assuntos que me tomaram toda a atenção e tempo.

É interessante que, mesmo eu estando focado nesses assuntos, tive contato com muitas pessoas que naturalmente acabaram perguntando sobre o Brasil e o Amazonas. Em uma destas conversas veio o assunto COPA 2014 e a preparação da organização deste mega evento, principalmente sendo nosso país a “pátria do futebol”.

Um dos empresários que participava de uma roda de bate-papo disparou: “Paulo, vocês têm que mudar alguns detalhes na legislação brasileira para facilitar o acesso dos turistas que visitarão o Brasil durante a Copa e as Olimpíadas do Rio. Por exemplo: O limite de recursos em dinheiro para entrada nos Estados Unidos é de U$ 10 mil dólares por pessoa. No Brasil, o limite de entrada de dinheiro com os turistas é também de 10 mil, só que reais e não dólares. Resultado, um turista alemão que vá passar 20 dias durante a Copa do Mundo no Brasil tem apenas a metade dos recursos para gastar durante sua viagem, em relação ao que teria se fossem visitar os Estados Unidos pelo mesmo período. Finalmente, vocês não acham mais inteligente equiparar esta limitação ao dólar e assim conseguir que circule muito mais dinheiro no país durante estes eventos?

O comentário/pergunta me deixou sem resposta. Depois fui amadurecendo a idéia e sinceramente cheguei à conclusão óbvia. Independente da possibilidade de uso de cartões de crédito e de débito (ATM), o que minimiza o eventual desconforto ao turista visitante, não resta a menor dúvida que, para diversos segmentos comerciais e de prestação de serviços, o fato de poderem estes visitantes carregar mais dinheiro consigo na viagem para o Brasil, aumentará muito a circulação de dólares entre taxistas, guias turísticos, pequenas lojas e feiras de artesanato, etc. Claro que tem que aumentar também a segurança nas nossas cidades, para que os bandidos brasileiros não tenham mais uma fonte de fomento… (risos)

Fica aí, portanto, mais uma sugestão para as nossas autoridades. Quem sabe nossa bancada federal possa levantar esta bandeira. Aumentar o limite de entrada de recursos financeiros de R$ 10 mil reais para US$ 10 mil dólares poderá significar uma entrada substancial a mais de dólares na nossa economia através da indústria do turismo. E a Copa 2014 é uma excelente oportunidade para discutirmos estas soluções.

Anúncios

5 Respostas to “Mais um posicionamento sobre a COPA 2014”

  1. Jane Says:

    Realmente, do jeito que o povo adora explorar turista, 10 mil reais é um tapa na mão dos que virão aqui deixar seu dinheiro. Mas com certeza Paulo, os ladrões também estão se preparando, tem preparo para tudo e claro este segmento não poderia ficar de fora! ainda mais se transformarem para doláres, o que vai de cursinho relâmpago para ladrão . rsrsrsr. Saudades de vc.

  2. Prof. Canindé Marinho Says:

    Meu caro Paulo, com as graças de DEUS e o nosso apoio você será o nosso representante na Câmara Federal; portanto a voz que clamará por mudanças positivas, principalmente nas áreas social e cultural. Haveremos de mostrar o folclore, a gastronomia e a nossa diversidade cultural. Abraços e Saudações Nordestinas

  3. Samantha Gomes Says:

    Concordo que essa idéia é uma oportunidade maior no giro do dinheiro para o turista que vem aqui. Mas é necessário que se façam mudanças grandes em termos de infraestrutura e, mais importante, que se usem esse pouco anos até 2014 para educar o povo para receber estes turistas.
    Seria um investimento alto, mas que “ficaria” de brinde para a nossa cidade que, é conhecida pelo péssimo atendimento no setor de serviços.

  4. Fernando Ferrari Says:

    Enquanto o Brasil, com belos exemplos no Amazonas, for um país onde prolifera uma classe de cidadãos submersos na lama negra dos negócios escusos no exterior, acredito que idéias como essa só servem a quem deseja trazer mais do que pode sem pagar imposto. Para trazer bastante dinheiro, use os bancos e pague o imposto devido. A população brasileira agradece.

  5. léia oliveira Says:

    Acho que se o brasil quiser adotar realmente essa medida é preciso que aumente também a segurança no país….
    tenho apenas 16 anos e sei que sem segurança e educaçaõ país nenhum vai pra frente,por isso é preciso que o nosso país melhore o nível de segurança nas nossas cidades.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: