GÁS NATURAL: Energia limpa? (parte I)

gasoduto

Recentemente a cidade de Manaus foi invadida por dezenas de outdoors do casal comunista, Vanessa e Eron, enaltecendo a “conquista do gasoduto Coari-Manaus.” Algumas destas placas traziam a mensagem absurda, o cúmulo da cara-de-pau: “(…) Obrigado Eron!”

Pensei eu: será que o Eron Bezerra, Deputado Estadual e Secretário de Produção do Estado, tinha alguma influência junto a PETROBRÁS – empresa responsável pelo planejamento, projeto, execução e exploração do gasoduto? Ou melhor, foram Eron e Vanessa que convenceram o Lula a “presentear” o Amazonas? Será?

Detesto quando tentam subestimar a inteligência alheia. Claro que o casal comunista não tem a ver com a “conquista do gasoduto Coari-Manaus.” As placas são mais um engodo eleitoreiro a captar dos incautos eleitores alguns votos para o projeto de poder do casal 20 (não é por cento, pelo amor de Deus!).

Imagino, cá com meus botões, que a participação dos dois nessa história deva ter ocorrido durante alguma crise de flatulência quando, seguindo a orientação do Presidente Lula de estimular o uso de “Bioenergia/Biogás”, resolveram engarrafar o próprio “produto” das crises e utilizar como “gás veicular” nos automóveis do partido comunista.

Mas, voltemos aos fatos, há algum tempo esta conversa de que o gás será a redenção energética para o Amazonas, vem sendo discutida e difundida.

Falácias como:

• O gás vai reduzir o valor das contas de energia no Amazonas, vez que é um combustível muito mais barato que o Diesel. MENTIRA!

• O gás vai permitir que as termoelétricas do Amazonas emitam menos dióxido de carbono por ser uma matriz energética menos poluente. PARCIALMENTE verdade!

• A distribuição de gás em Manaus será feita por uma empresa privada nos moldes de concessão, em sistema parecido com o qual Manaus foi presenteada no caso da concessão de água e esgoto para a Águas do Amazonas S/A e será um grande negócio para um grupo de meia dúzia de empresários. TOTALMENTE VERDADE!

No próximo post vou explicar cada um dos itens acima, para que fique registrado como é “limpa” a nossa energia e, em seguida, quais as verdadeiras alternativas para a geração de energia sustentável no Amazonas, especialmente no interior, onde o problema é mais caro e cruel.

Até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: